O Poderoso Chefão (1972)

The Godfather (1972)

A história de uma família mafiosa contada como a maior obra prima do cinema. Os Corleones são respeitados imensamente por todos aqueles que possuem alguma ligação com o ramo, desde padeiros até políticos poderosos. Sob o comando do mítico Don Corleone, todos os seus inimigos o temem e sabem que é um homem de honra e respeita mais do que tudo sua própria família. Porém, os tempos vão se tornando mais difíceis e outros mercados pretendem entrar nos Estados Unidos, mercados mais sujos do que os cassinos e prostituição: as drogas. Quando Sollozzo propõe ao Don fazer uma união entre a sua mercadoria ilícita com a de apostas em troca do partilhamento de contatos influenciadores para  facilitar a entrada do produto no país, ele recusa e busca manter sua imagem de gângster “limpo”. Então começa uma guerra entre os dois lados, em que muito sangue e corpos são deixados pelo caminho, como o do próprio Sollozzo, Capitão McCluskey, Bruno Tattaglia e Sonny Corleone. Nem mesmo Don foge disso e acaba sendo baleado com inúmeros tiros e consegue sobreviver. Quando seu filho, Michael, o vai visitar no hospital, percebe que ele está sem nenhum segurança e decidi escondê-lo em outro quarto, se transformando no que mais repudiava, um Corleone mafioso. Conforme segue a história, ele é enviado para a Sicília após ter matado os dois principais inimigos da família, e mesmo assim consegue escapar de atentados contra sua vida. Passado um ano, ele retorna aos Estados Unidos e se perpetua no lugar do pai, como o nove chefe do crime, tendo mudado totalmente sua mentalidade do início; agora está no topo da cadeia e ganha o respeito de todos.

2

Todo o filme em si é uma peça magnífica da sétima arte, possuindo inúmeros detalhes, falas, personagens que transpiram a emoção do roteiro para o público. Você acredita estar diante de um mundo totalmente fora da nossa realidade. Coppola, além de dar recriar os anos 40 e toda a mentalidade de uma sociedade corrupta junto da família Corleone, teve em suas mãos os controles de mestres como Al Pacino, Marlon Brando, James Caan, Robert Duvall, entre outros. Sua câmera acompanhava cada passo dos personagens, mostrando a forma como se fazia negócios ao estilo mafioso. Com uma iluminação belíssima, tornando cada indivíduo mais misterioso, e cenários estonteantes de belo, desde uma Nova York pós Segunda Guerra até uma Itália cercada de montanhas e oliveiras, ao estilo medieval. A principal fala que se torna a mais marcante durante o filme e uma das mais conhecidas do cinema é quando Marlon Brando fala em seu sotaque italo-americano: ” Eu vou fazer uma oferta que ele não pode recusar”. Para fechar com chave de ouro, escolheram a trilha sonora mais tocante já feita, que mesmo sendo a mesma música em inúmeras cenas, não perdia a emoção do momento e dava um tom mais belo para algo tão brutal. Em conclusão, O Poderoso Chefão é o ápice de qualquer obra feita, unindo o estilo americano e, principalmente, o estilo italiano de filmar, com uma história fantástica que mergulha na alma dos Corleones e disseca toda sua face gângster e seu lado mais humano.

1

Diretor: Francis Ford Coppola

Produtor: Albert S. Ruddy

Roteirista: Mario Puzo e Francis Ford Coppola

Atores: Marlon Brando, Al Pacino, James Caan, Robert Duvall, Richard S. Castellano, Diane Keaton e Abe Vigoda

AVALIAÇÃO FINAL:

10

TRAILER:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s